Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

segunda-feira, 16 de abril de 2018

A desenhar com... o Henrique Vogado

 
Muito bom conhecer o percurso do António Vogado, muito bom o desafio para desenhar que nos lançou, muito mau ter que sair sem acabar convenientemente o meu desenho. Mas aqui fica a minha memória para juntar às muitas memórias que nos traz o Largo do Carmo!
 


2 comentários:

Henrique Vogado disse...

Fernanda, só faltou rectificar o nome no texto. O meu pai é António, por acaso! ;-)

teresa ruivo disse...

Que giro!