Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.


Neste blog só se publicam desenhos feitos de observação e no sítio

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Ainda o Porto




O autocarro 500 sai da Avenida dos Aliados e vai até ao Castelo do Queijo. E com o "andante", adoro este nome para o bilhete metro/autocarro, nos permite entrar e sair, fomos aproveitando apesar do dia embrumado que estava. Fiz este sketch rapidamente na paragem a seguir à praia dos ingleses. Apesar da bruma o mar estava lindo.

Nota: desculpem mas não resisti. Andei a dar umas voltas pelos sketches pois ultimamente pouco tenho visto. Quando cheguei ao fim da página vi que o post que acabara de publicar era o 1111. Sorri pelo número e porque, quando andava na 4ª classe, creio, havia um livro de problemas de aritmética que era Exercícios 1111 ou algo parecido; confesso que sorri e me enterneci.

2 comentários:

Rosário disse...

Tantos!

J.Espadaneira disse...

Que venham mais 1111 (a mim lembra-me o quarteto), para regalo dos nossos olhos!